Sinta-se Em Casa

Entre. Puxe a cadeira. Estique as pernas. Tome um café, e vamos dialogar com a alma.



sábado, 8 de fevereiro de 2014

Deus Abençoa Quem é Fiel?

Longe dessa reflexão as bênçãos e maldições vétero-testamentárias sem a importante distinção entre Israel e Igreja, Lei e Graça. Por outro lado, não podemos fechar os olhos para um princípio que permeia a Bíblia toda: a obediência gera benção.

Deus recompensa a fidelidade com prosperidade. Prosperidade? Que prosperidade? A prosperidade no sentido de vida abençoada, não aquela que faz dos bens um medidor das bençãos.

"O fiel será ricamente abençoado..." (Pr. 28.20a). Veja o contexto:

A fidelidade aqui é não emprestar com juros exorbitantes e a prosperidade é dar aos pobres (Pr. 28.8, 27).

Fidelidade aqui é ouvir a lei e a prosperidade é ser ouvido nas orações (Pr. 28.4-5, 7, 9).

Fidelidade aqui é não enganar (não se aproveitar) e a prosperidade é não permitir ser subornado (Pr. 28.10, 21).

Fidelidade aqui é ser justo no governo e a prosperidade é ter crédito (Pr. 28.2, 3, 12, 15-16, 28).

Fidelidade aqui é confissão de pecados e a prosperidade é alcançar misericórdia (Pr. 28.13, 23).

Fidelidade aqui é constância no temor do Senhor e a prosperidade é não cair na desgraça (Pr. 28.14, 24-25).

Fidelidade aqui é não golpear injustamente e a prosperidade é viver seguro (Pr. 28.1,17-18, 22).

Fidelidade aqui é trabalho sério e a prosperidade é sonhar coisas concretas (Pr. 28.6, 11, 19, 26).

E então, você é próspero a partir da fidelidade ao Senhor? Porque vida de obediência gera bênção sim. Aquelas bênçãos que não priorizam o material. Se os bens vêem, eles são bem-vindos, mas que não venham sem a companhia de uma vida que agrada ao Senhor.


Nenhum comentário:

Postar um comentário