Sinta-se Em Casa

Entre. Puxe a cadeira. Estique as pernas. Tome um café, e vamos dialogar com a alma.



quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

A vida é contada como terminou, não como começou...

Eu vi uma Igreja marcada pela vida de seu pastor por 37 anos. Naqueles dias lá em Itabuna a Igreja estava em luto. Ouvi muitas histórias sobre o pastor deles. Essa foi a experiência do Pr. Hélio da Igreja Batista de Teosópolis.

Esta história me fez pensar que a vida é contada como ela realmente é, culminando em como ela terminou. Não é o nosso começo que faz a diferença. 

Então lembrei de uma mensagem que recebi nesse finalzinho de ano: "Feliz livro novo". A mensagem abordou que já escrevemos no livro de 2015. O que vivemos escrevemos e isso já foi. E agora?

Qual será o conteúdo das nossas novas páginas? Como escreveremos a nossa história nesse "Novo Livro de 2016"? 

Uma dica: re-leia o que foi escrito em 2015. Quais histórias você não precisa apagar? Quais histórias Deus não apagaria? 

O que precisa mudar? Qual a transformação que precisa acontecer para que alguns parágrafos não se repitam?

FELIZ LIVRO NOVO!

Nenhum comentário:

Postar um comentário